Opiniones

Valoración media de nuestros clientes
4.8 sobre 5

Productos más vistos

Boletín

Inicio

Información

Peyote cato (Lophophora Williamsii)

Peyote, Lophophora williamsii
1-2 cm peyote um ano
2-3 cm peyote dois anos
3-4 cm peyote 3,5 anos
4-5 cm peyote entre 5 e 10 anos
5-7 cm peyote entre 10 e 15 anos
7-8 cm peyote por mais de 15 anos

More details

8,95 €

Disponible

No hay puntos de recompensa para este producto porque ya hay un descuento


Puntuaciones: 4.1/5 (140 votos)

    Lophophora Williamsii, o peyote cato, é o cato de mescalina mais conhecido. A mescalina é uma substância psicoactiva que causa alucinaciones psicodélicas.

    O Peyote tem o maior conteúdo de mescalina e o efeito mais forte de todos os catos psicodélicos. Originário de México e o sul de Texas, é o cato que cresce mais lentamente  do mundo. O cato do Peyote maduro contém mais mescalina que as instâncias jovens do mesmo tamanho, mas também, no cato pequeno, o cheiro e o sabor amargo da mescalina é evidente. A maior concentração de mescalina está na parte exterio(epidermis).                                                                                

    Além de mescalina, o Peyote contém mais que 50 tipos diferentes de alcaloides e substâncias ativas.                                                                                                                   

     O alcaloide Mescalina (nome químico 3, 4,5-Trimethoxybenzeneethanamine) produz-se na natureza, quase exclusivamente nos catos. Lophophora Williamsii é de cor verde a verde azulado/cinza azul.                      

    Normalmente o Peyote é um cato de tamanho pequeno. Os catos que se semeiam com muito sol, pouca água e pouco fertilizante são mais fortes e têm mais mescalina. Podem suportar facilmente temperaturas de -8 graus em inverno, e altas temperaturas em verão.                                                                                                                                     

     O Peyote não tem espinhas, senão grupos de cabelos brancos onde se forma as sementes. A raiz do peyote é branca, grande e grossa com um diâmetro que pode ser igual de grande que o diâmetro do próprio Peyote.  A partir desta raiz principal crescem pequenas raízes laterais. A raiz contém pouco ou nada de mescalina e não se come.                              

    Se a raiz fica na terra pode seguir crescendo  e formar novos brotes. As flores são de cor rosa pálido a alvo. As flores crescem no centro da planta, às vezes com várias flores ao mesmo tempo. A formação da flor significa que a planta está a crescer bem. De Março a princípios de Outubro a planta pode florescer a cada três semanas.              

    As Tribos indígenas de México cosechan os catos do Peyote na natureza. Os botões de Peyote seco utilizam-se como medicina nas cerimónias religiosas. Os participantes consomem vários botões de Peyote, dirigidos por um chamán.                                                                                                                                                                                       

     Os índios comem Peyote com o estômago vazio. Mastigam rodelas de Peyote durante muito tempo pelo que a mescalina se absorve pela mucosa oral. Às vezes fazem-no em infusão. O cato corta-se em pequenos pedaços e ferve-se durante meia hora. Depois deste tempo, pode-se beber. O chá também se mantém na boca durante um momento antes do engolir. Com frequência produzem-se efeitos secundários depois da primeira hora da sua ingesta como, náuseas, choques abdominales e suores, mas estes efeitos desaparecem quando a viagem começa. É difícil dizer quanto comer porque o conteúdo de mescalina pode ser muito diferente em função do cato. De 12-30 gramoses uma dose média. Pode-se comer a metade da dose e esperar 60-90 minutos antes de comer o resto. O efeito pode durar de 6-12 horas. De 50-60 gramossuele ser suficiente para a maioria se quer conseguir um efeito muito forte que pode durar até 18 horas.

    Os catos precisam muito menos água que outras plantas. Durante a temporada de crescimento (Julio, agosto) podes regar um ou máximo duas vezes ao mês. De outubro no final de abril praticamente não precisam riego.

    Todos os catos Trichocereus, de tipo columnar, se podem ingerir tanto em infusão como mastigando a sua carne. Encontrasses uma descrição detalhada a seguir, na alínea do Trichocereus Pachanoi. É aconselhável ter  uma pessoa sobria no grupo e tomar o cato em um local onde um se sente seguro e protegido.  Os índios desfrutam do seu efeito bem informados. De acordo com a sua filosofia não é um jogo e o consideram como uma das experiências espirituais mais importantes na sua vida. Em Internet há muita informação sobre isto.

    Em general, este tipo de cato precisa muito sol, mas não sempre diretamente. Precisam pouca água, em inverno quase nada. É aconselhável uma terra específica para cato que podes obter em qualquer centro de jardinagem. Vale a pena informar-se, mas a experiência que nos dá a prática é o melhor.

Ratings and comments from our customers


It has no feedback.